Sobre a Apae

Fundada em 1966, a APAE de Tubarão é uma organização da sociedade civil sem fins lucrativos, que promove a prevenção e a inclusão da pessoa com Deficiência Intelectual e ou Múltipla produzindo e difundindo conhecimentos. Atua em todas as fases da vida, da infância ao processo de envelhecimento, a organização promove apoio a pesquisas, produz e difunde conhecimentos científicos, trabalha pela defesa e garantia de direitos da Pessoa com Deficiência Intelectual.


Saiba Mais

Além disso, promove a inclusão social estimulando o desenvolvimento de habilidades e potencialidades que favoreçam a escolaridade e a vida produtiva laboral.

Assim sendo, no ano de 1996, um grupo de pais de pessoas com Deficiência Intelectual e/ou múltipla sentiram a necessidade de um espaço que atendesse as necessidades de seus filhos, não mediram esforços em mostrar à sociedade a importância de construir um espaço que fosse propício para o desenvolvimento das potencialidades de seus filhos, assim sendo, no dia 25 de julho de 1966 a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais inicia seus trabalhos, mantendo a Escola Especial APAE de Tubarão, que iniciou seus trabalhos atendendo 06 alunos. Hoje a APAE atende diariamente 293 educandos com Deficiência Intelectual, Múltipla e Autismo. A 49 anos a organização tem norteado suas ações desenvolvendo atendimento nas áreas de assistência social, educação e saúde, dando suporte a todas as pessoas com deficiência e seus familiares, contribuindo para o desenvolvimento efetivo e a integração social.

Ao longo de sua existência, conseguimos avanços significativos, tanto na melhoria da sua estrutura física, quanto na ampliação e aprimoramento dos serviços prestados, a organização enfrentou desafios para modificar sua estrutura assistencialista, conquistando o processo de inclusão, com o objetivo de mostrar que as pessoas com deficiência tem o direito de ser incluído na vida em sociedade com direitos preservados, bem como, oferecendo atendimento gratuito a toda comunidade Tubaronense e da Amurel através dos serviços: Avaliação diagnóstica, redução de carga horária, laudo médico e psicológico para segundo professor da rede estadual de ensino, carteirinha de passe livre municipal e intermunicipal , avaliação e reavaliação de pensão Estadual e Federal, documentação para compra de veículo com isenção de IPI e ICMS para pessoas com deficiência, palestras sobre prevenção, pessoa com deficiência, mercado de trabalho, entre outros.


Princípios

 

Promover ações (educação, saúde, assistência social, cultura e esportes) que assegurem o desenvolvimento, a qualidade de vida e a inserção na sociedade da pessoa com deficiência intelectual e ou múltipla. (Prevenção, diagnóstico, reabilitação, habilitação.)

Ser referência na região Sul de Santa Catarina pela pertinência, relevância e reconhecida no Estado, na transformação de uma sociedade inclusiva.

* Foco nos alunos, professores e funcionários, parceiros e demais colaboradores;

* Qualidade, excelência e transparência nos serviços prestados;

* Integração com a comunidade, favorecendo e oportunizando o exercício da cidadania;

* Comprometimento e ética, com a causa APAEANA;

 


Nossa Equipe

Presidente: Luciano de Menezes

Vice-Presidente: Leila Saleh Goulart

1º Secretaria: Maria Apolinaria Lardizabal

2ª Secretaria: Elisabete de Souza Antunes

1º Financeiro: Everaldo Barreto

2º Financeiro: Rute Michels Meneghel

Diretor Patrimonio: José João da Rosa

Diretor Social: Edla Zim da Silveira

Conselheiro: Patrick Seolin Fernandes

Conselheira: Nádia Maria Fernandes Barbosa

Conselheiro: Narciso de Souza Bernardo

Conselheira: Maria de Fátima Mendes

Conselheiro: Edmar Demétrio Nandi

1º Fiscal: Riberto Lima

2º Fiscal: Pedro Paulo Rodrigues

3º Fiscal: Honório Gotardo

Suplente: Marta Estelina da Silva Vargas

Suplente: Arlindo Maffiollet

Suplente: Jucemar Correa. da Rosa

Conselheira: Noilda Domingos

Conselheiro: Dilney Wechi

Conselheiro: Mário José Severino

Autodefensor: Alex Guerreiro dos Santos

Autodefensora: Franqueline Antunes da Silva



 

Projetos

 
Tecnologia Assistiva como instrumento de acessibilidade

Projeto Cofinanciado pelo FIA

Objetivo geral: O projeto Terapias Complementares como promoção da saúde das crianças e adolescentes com deficiência, é a oferta de modalidades terapêuticas complementares a serem usadas em crianças e adolescentes que apresentem déficits motores e sensoriais.

Este projeto vem possibilitar as crianças e adolescentes com deficiência e seus familiares uma melhoria da qualidade de vida, coexistindo com a possibilidade de evolução nas diversas áreas adaptativas.

A APAE vem atendendo o que preconiza o Estatuto da Criança e Adolescente, contemplando o Artigo 11 Enciso 1º A criança e adolescente portadores de deficiência receberão atendimento especializado. O projeto atenderá até 170 crianças e adolescentes do município de Tubarão.

Terapias Complementares como promoção da saúde das crianças e adolescentes com deficiência

Projeto Cofinanciado pelo FIA

Objetivo geral: O conceito de Tecnologia Assistiva diferencia-se de toda a tecnologia utilizada na medicina ou na reabilitação de crianças e adolescentes, pois ela se refere a recursos ou procedimentos pessoais, que atendem a necessidades diretas do indivíduo com deficiência, visando sua independência e autonomia. Os objetivos da Tecnologia Assistiva, apontam normalmente para mecanismos ou recursos que geram autonomia pessoal e vida independente da criança e adolescente.

A Tecnologia Assistiva também vem se tornando uma importante ferramenta na área educacional, pois cada vez mais serve como uma ponte para abertura de novos horizontes nos processos de ensino-aprendizagem e desenvolvimento de alunos com deficiências até bastante severas.

Se essa importância da tecnologia na educação já é verdadeira em relação a qualquer tipo de aluno, ela é muito mais ainda em se tratando de alunos com diferentes deficiências, pois se entendemos a cidadania como lugar maior do que estar ou ocupar em espaço físico dentro do meio social. Portanto a continuidade deste projeto é de grande importância para que aconteça realmente a inclusão dentro de nossa sociedade.

Integração Sensorial: Um mundo de sensações em prol da criança com deficiência intelectual e/ou múltipla.

Projeto em parceria com IGK - FAPS- Bepantol baby

Objetivo Geral:Promover a estimulação sensorial, principalmente tátil, vestibular e proprioceptiva, através de brincadeiras e atividades lúdicas com a participação ativa da criança, aumentando assim a habilidade desta em processar informações e responder apropriadamente aos estímulos.



 

 


Como Colaborar?

Chamamos de colaboradores, aqueles que contribuem financeiramente ou voluntariamente com a APAE.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat. Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur. Excepteur sint occaecat cupidatat non proident, sunt in culpa qui officia deserunt mollit anim id est laborum.


 

Prestação de Contas 2016


 
Está disponível para Download, a nossa Prestação de Contas referente ao ano de 2016.

Balancete 2016

Balanço 2016

DRE 2016

NE 2016

Balanço Social



Fale Conosco agora mesmo!

Rua Lauro Muller, 3171 - Passagem Tubarão (Santa Catarina)

Ligue-nos agora mesmo: (48) 3626-1312

E-mail: contato@apaetubarao.org.br

Se preferir, você pode nos enviar uma mensagem através do formulário de contato ao lado. Fique a vontade!