Programas - Centro de Reabilitação

Atendimentos


A equipe técnica da APAE de Tubarão, objetiva habilitar e reabilitar os alunos com atraso no desenvolvimento neuropsicomotor, com deficiência intelectual múltipla e  transtorno invasivo no desenvolvimento (autismo) , através da estimulação das áreas psicomotora, cognitiva, sensório-perceptiva, sócio-afetiva e de linguagem. Oportunizando cada individuo desenvolver ao máximo suas potencialidades e adaptar-se a sociedade da melhor forma possível, bem como adquirir uma melhor qualidade de vida. No centro de reabilitação, são realizados atendimentos nas áreas de  assistência social, odontologia, fisioterapia, fonoaudiologia , psiquiatria , pedagogia , psicologia e terapia ocupacional. Conforme a necessidade de cada usuário, após a sua avaliação com a equipe técnica, se o avaliando for legivel, o mesmo começa receber os atendimentos necessários, conforme ordens de vagas nos setores.

 Serviço Social:

 

 

 

 

 

 

 

A APAE como instituição social deve contribuir para a formação do cidadão na busca da efetivação de seus direitos e tem a preocupação de promover a inclusão social e a cidadania que pode ser caracterizada por meio de ações sócio-educativas, culturais e assistenciais, que visem promover alternativas para a melhoria das condições de vida das pessoas com deficiência. O serviço social na instituição favorece instrumentos, que proporcionam resgatar a cidadania das pessoas com deficiência juntamente com a escola, comunidade e família, encaminha e supervisiona o aluno para atendimentos fora do ambiente escolar, visita nas  empresas  tem como objetivo solicitar estágios para os alunos em condições de inserção no mercado de trabalho e junto á instituições de ensino apresenta palestras , trabalhos educativos e preventivos aos pais e alunos.

Inserção no Mercado de Trabalho:

Objetiva orientar, acompanhar, encaminhar e avaliar o educando em situações reais no mercado de trabalho, possibilitando-lhe o estabelecimento de novas relações, bem como a demonstração do seu potencial.

Fisioterapia:

 

 

 

 

 

 

 

Ciência aplicada ao estudo, diagnóstico, prevenção e tratamento de disfunções cinéticas funcionais de órgãos e sistemas. Ela previne e trata os disturbios cinéticos funcionais decorrentes de alterações dos órgãos e sistemas humanos. Além disso a fisioterapia estuda os efeitos e  benefícios dos recursos físicos, como o movimento corporal, as irradiações e correntes eletromagnéticas, ultra som, entre outros recursos sobre o corpo humano. O fisioterapia é o profissional capacitado para diagnosticar, avaliar, reavaliar, prescrever, emitir prognóstico, elaborar projetos de intervenção e decidir pela alta fisioterápica.

Fonoaudiologia:

 

 

 

 

 

 

 

A fonoaudióloga tem como objetivo a comunicação humana, no que se refere ao seu desenvolvimento, aperfeiçoamento, distúrbios e diferenças, em relação aos aspectos envolvidos na função auditiva periférica e central, na função vestibular cognitiva , na linguagem oral e escrita, na fala , na fluência, na voz , nas funções orofaciais (mastigação,respiração,sucção e fala) e na deglutição.

Odontologia:

Em parceria com a Prefeitura os profissionais realizam atendimentos na área, ensinam a higienização da boca, gengiva e  escovação, também ajudam com dicas especificas para dificuldades encontradas, encaminhamento via hospitalar para procedimento cirurgico odontológico.

Psiquiatria:

O psiquiatra faz o diagnóstico médico das deficiências. Além disso, as pessoas com deficiência intelectual (DI) podem apresentar todas as formas de transtornos psiquiátricos descritos em pessoas sem deficiência mental. Cerca de 30 a 50% das pessoas com deficiência tem alguma doença psiquiátrica associada. Assim, uma porcentagem significativa das pessoas com DI, necessitam de tratamento psiquiátrico medicamentoso. Os sintomas psiquiátricos que são motivos de consulta psiquiátrica, em ordem decrescente de frequência: transtornos da conduta; agressividade; impulsividade, sintomas ansiosos, alterações do sono, condutas auto-lesivas, sintomas psicóticos e sintomas afetivos.

A inibição medicamentosa da conduta é um recurso útil, mas que deveria ser usada somente após se praticar as intervenções psicossociais, com apoio da família e da escola. Convém levar em conta a presença frequente de alterações cerebrais orgânicas e de convulsões nas pessoas com DI, a fim de evitar ou monitorar possíveis efeitos adversos dos medicamentos receitados.

Psicologia:

 

 

 

 

 

O psicólogo atua na entidade, juntamente com os outros profissionais, que fazem parte da equipe multidisciplinar. Um dos objetivos deste setor é de contribuir para que a pessoa com deficiência construa sua autonomia e autoconfiança. Os atendimentos são sistemáticos, diários individuais ou em grupo bem como, oferecendo ao aluno um maior entendimento de si mesmo, de seus pensamentos e sentimentos, bem como no auxílio e prática de suas faculdades mentais superiores de percepção, concentração, memorização e atenção. Respaldo técnico aos professores em relação à educação e as dificuldades enfrentadas pelos mesmos no dia a dia com os alunos. Orientação a pais, amenizando suas dificuldades e ansiedades relacionadas à educação e conduta com seus filhos.

Terapia Ocupacional:

 

 

 

 

 

A terapia ocupacional é uma área saúde, que trabalha com atividades de reabilitação para o cotidiano. Busca engajar a pessoa em atividades para que ela possa desempenhar seus papeis ocupacionais no contexto em que vive , fazendo o que quer, gosta e precisa com a maior independência possível. Trata de recém-nascidos, crianças, adolescentes, adultos e idosos que apresentam disfunções, desabilidades e distúrbios que dificultem a realização das atividades da vida diária , prática , lazer e de trabalho. Na instituição a terapia ocupacional é responsável pela indicação e confecção de próteses de MMSS (membros superiores, prescrição de carrinhos e cadeira de rodas, orientação quanto a adaptações de espaços físicos, utensílios e mobiliários,  tanto na instituição quanto em casa e no ensino regular quando solicitado também na avaliação diagnóstica e atendimentos reabilitatórios.

Equoterapia:

 

 

 

 

 

 

Consiste num método terapêutico que utiliza o cavalo numa abordagem interdisciplinar nas áreas de equitação, saúde e educação, buscando o desenvolvimento biopsicossocial de pessoas com deficiência intelectual/múltipla.

Hidroterapia:

 

 

 

 

 

 

 

É um método terapêutico realizado no meio aquático, tendo como objetivo promover o relaxamento muscular, analgesia, equalibrio, coordenação e a marcha, atuando ainda no sistema respiratório, cardíaco e gastro intestinal, os atendimentos são realizados sempre na companhia do Fisioterapeuta.

Pedia Suit:

 

 

 

 

 

 

 

 

É um tratamento intensivo, com duração de quatro semanas com quatro horas diárias de exercícios associado ao uso de um macacão terapêutico ortopédico, que irá promover um ajuste biomecânico no paciente.

É um recurso usado pelo fisioterapeuta no tratamento de sequelas neurosensorio motoras como: hemiplegia, diplegia, tetraplegia, ataxia, discinesia.

 

Fábrica de Órtese -

 

 Parceria com  Federação Estadual das APAES, foi implantado uma fábrica de órtese de Membros Inferiores e Superiores, onde técnicos, Fisioterapeutas e Terapeutas Ocupacional das APAEs da Região Litoral Sul, confeccionam as órtese conforme a necessidade de cada aluno.


 
     
PARCEIROS
 
LINKS ÚTEIS
Indexup Internet Design
 
Facebook APAE de Tubarão
Federação das Apaes de Santa Catarina
Apaebrasil
     
APAE TUBARÃO

Rua Lauro Muller, 3171 - Bairro: Passagem CEP: 88705-101 - Tubarão/SC
Fone: (48)3626 1312/(48)3626 8712 /(48)3632 8957
E-mail: apaetubarao@hotmail.com - blogapae@hotmail.com


Copyright © 2013 - Todos os direitos reservados